quarta-feira, 19 de abril de 2006

Gentileza Gera Gentileza - E assim a humanidade evolui

Como eu sempre gosto de dizer na Internet encontramos o melhor e o pior da essência humana. Há coisas de arrepiar os cabelos, provocar reviravoltas no estômago e ódios mortais. Há outras que de tão singelas merecem reconhecimento, atenção e carinho. Dando uma olhadinha no Duas Fridas blog editado por minha amiga Helena Costa e por sua sócia Monix, encontro um banner da famosa frase do profeta Gentileza: "Gentileza Gera Gentileza". Busco daqui, busco dali e encontro o blog do Alex Castro (Editor do seu Guia de Blog na Internet) Liberal, Libertário e Libertino e o que ele propôe é ao mesmo tempo simples e fantástico: um Manifesto da Gentileza Blogueira.

Parece pouca coisa mas não é: nós que escrevemos nos blogs diariamente, semanalmente, seja lá o que for, o fazemos para ter retorno, críticas, observações, saraivadas de pedradas até. Somos cronistas, redatores, jornalistas, poetas, críticos ou qualquer outra coisa. Mas estamos buscando antes de tudo diálogo com os que nos lêem, com os colegas que nos citam, com as pessoas que às vezes tornam-se até nossas fãs, amigas e parceiras de empreitada ou solidárias nas manifestações que expressamos. Portanto, o Manifesto da Gentileza Blogueira é um achado, eu o reproduzo abaixo e vocês poderão conhecer as Fridas, o Alex e seu blog nos links que estão acima.

Segue o Manifesto:

  • Seja gentil;

  • Linke para quem te linka;

  • Se você despreza o blog que te linka e jamais conseguiria linkar pra ele, tenha hombridade de pedir pra ele retirar o link;

  • Clique nos banners de quem vive de publicidade;

  • Quando ler um post muito legal, cite e dê link, para que outras pessoas também vejam;

  • Aliás, SEMPRE cite a fonte e dê o link. Senão, é plágio;

  • Se encontrar um post que não gosta, pule;

  • Se encontrar vários, não volte mais;

  • Se voltar, não reclame;

  • Não xingue ninguém. Nunca.

  • Se quiser aderir à Campanha Gentileza, pode copiar o botão, mas diga de onde tirou. Senão, você não entendeu nada do espírito da coisa.

    2 comentários:

    Helena Costa disse...

    Não conhecia o texto do Alex, Márcio. Obrigadíssima pelo linque, vou adorar receber visitas vindo daqui...
    Beijos!

    Helena Costa disse...

    Não conhecia o texto do Alex, Márcio. Obrigadíssima pelo linque, vou adorar receber visitas vindo daqui...
    Beijos!