sábado, 22 de março de 2008

Talvez o amor...

O mais sublime e puro dos sentimentos tem sido o grande desafio dos poetas e apaixonados por milhares de anos. Como definir o sentimento que se tem por ela? Como definir a entrega, as emoções que tomam conta de todo um corpo? Como dizer te amo sem parecer piegas? Sem parecer que se está jogando falas ao vento?

Camões disse que é o "fogo que arde sem doer". O apóstolo Paulo disse que "mesmo que eu falasse língua dos homens, sem amor eu nada seria". E tantos e tantos outros ao longo dos séculos escreveram também suas definições sobre o amor.

Particularmente eu gosto muito dessa, da letra de John Denver que coloca o amor no patamar da troca, da entrega total, do dizer que mesmo que ela nao me queira, o amor que lhe sinto, me basta. De fato é lindo. Espero que gostem tanto quanto eu.

2 comentários:

Adriana disse...

Olá grande Márcio. De fato eu pensava que essa estória de amar como pura doação do ser, sem necessitar pedir algo em troca era coisa somente da poesia de Camões... Até perceber isso também em outras melodias... inclusive àquelas do nosso bom cotidiano rsrsrs... sorte a nossa não é mesmo?!
enfim... compartilho com você este escrito poético de Vanessa da Mata inserido em seu mais recente disco - "SIM". A canção chama-se:

AMADO

Como pode ser gostar de alguém
E esse tal alguém não ser seu
Fico desejando nós gastando o mar
Pôr do sol, postal, mais ninguém

Peço tanto a Deus
Para esquecer
Mas só de pedir me lembro
Minha linda flor
Meu jasmim será
Meus melhores beijos serão seus

Sinto que você é ligado a mim
Sempre que estou indo, volto atrás
Estou entregue a ponto de estar sempre só
Esperando um sim ou nunca mais

É tanta graça lá fora passa
O tempo sem você
Mas pode sim
Ser sim amado e tudo acontecer

Sinto absoluto o dom de existir, não há solidão, nem pena
Nessa doação, milagres do amor
Sinto uma extensão divina

É tanta graça lá fora passa
O tempo sem você
Mas pode sim
Ser sim amado e tudo acontecer
Quero dançar com você
Dançar com você
Quero dançar com você
Dançar com você

**********************

Porque amor tem tudo a ver com sonhos e suas possíveis palpabilidades.

Um abraço,

Adriana
CIP MANDU
Parnaíba (PI)

barb michelen disse...

Hello I just entered before I have to leave to the airport, it's been very nice to meet you, if you want here is the site I told you about where I type some stuff and make good money (I work from home): here it is